Prisão

|
Começou em Assis, no carnaval. Como a calmaria da cidade dos três esses era suficiente, me rendi aos encantos dos irmãos Lincoln Burrows e Michael Scofield e desde então torço pelos prisioneiros que escaparam da penitenciária Fox River no seriado Prison Break.
Para quem não imagina - como eu nem sonhava, não se trata de um enredo que narra briguinhas, desavenças e desgraças dentro de um presídio americano (embora tenha um pouco disso também).
Mas a trama está muito mais para um seriado policial, com um cérebro brilhante tentando fugir e outros cérebros brilhantes tentando matar. Basicamente a história é a seguinte: um rapaz é acusado de matar o irmão da vice-presidente dos Estados Unidos. Seu irmão sabe que ele não é o assassino e por isso comete um crime para ser preso e, assim, livrá-lo da cadeira elétrica. Para conseguir fugir da cadeia, o rapaz, que é engenheiro e conhecia a construção do presídio, faz uma enorme tatuagem no corpo. A imagem grafada é a planta da penitenciária, com todas as possíveis rotas de fuga.
Para as meninas: se a história ainda não te atraiu, o protagonista, Wentworth Miller dá conta do recado. E, embora rumores digam que o astro é gay, tem gente por aí dizendo que inveja mata seria capaz de fugir com ele para qualquer lugar.

3 comentários:

Anne disse...

Lindo hein!

Cafe com cigarros disse...

Hahahahahahahahahaha
Eu vou começar a baixar pra ver se é tudo isso mesmo, se for ruim eu vou aí e te dou um tiro... melhor, te mando pra Alcatraz
;)



ps: os links estão funcionando?
beijos

Mara De Santi disse...

Ai, comecei a assitir por causa do meu irmão... coicidentemente e ocasionalmente também. E não é que quase aluguei as temporadas passadas, só pra ver o começo da história? Uma hora tomo coragem.... Adorei o blog!